Volume de compras digitais cresceu 68% no trimestre Voltar
julho 19, 2017

Desde o lançamento em março desse ano, o Score Digital da Visa tem analisado o comportamento do brasileiro nas compras online e um setor chamou a atenção: o de games. No último trimestre deste ano (abril a junho), o volume das compras online cresceu 68% em relação ao anterior (janeiro a março). Além do crescimento exponencial, a categoria ganha destaque também pela representividade no mundo online – 70% das compras no país são digitais – e por seu ticket médio de R$67 por transação – 22% acima da média dos tickets em compras online.

Alexandre Peyser, diretor da Visa Perfomance Solutions, explica os fatores que potencializaram esse boom de consumo digital de games no país. “Realidade aumentada, inteligência artificial, realidade virtual e experiências de imersão são algumas novidades que têm guiado esse crescimento nas compras online de games. Além disso, não podemos esquecer que o universo mobile e de crescimento de smartphones no país favorece muito o desenvolvimento dessa indústria. Tanto para o consumo de games – que são mais acessíveis-, como o surgimento dos pequenos e novos desenvolvedores de jogos, que democratizam a oferta nas centrais de apps dos celulares”.

O Score Digital avalia os hábitos de compras em três categorias: os Ocasionais, que possuem um consumo digital esporádico; os Emergentes, que já adotam esses canais no dia a dia, mas em quantidade inferior às transações em lojas físicas; e os Super Digitais, que realizam predominantemente compras no mundo digital. O consumidor padrão de games no país, em sua maioria, está dentro dos Super e dos Emergentes Digitais (71%), enquanto o consumidor digital brasileiro em geral não chega a metade nessa classificação. Geograficamente, eles estão distribuídos nas 10 principais cidades abaixo.

As cidades brasileiras que mais consomem games, segundo a Visa Performance Solutions, são:

  1. São Paulo
  2. Brasilia
  3. Rio de Janeiro
  4. Salvador
  5. Recife
  6. Campinas
  7. Guarulhos
  8. Osasco
  9. Belo Horizonte
  10. Curitiba

Com o crescimento do número de brasileiros ativos no comércio eletrônico e a popularização dos aplicativos de música, filmes e transportes, a Visa criou o Score Digital, modelo estatístico desenvolvido pioneiramente no Brasil pela Visa Perfomance Solutions, para analisar as tendências e os impactos provocados pelas transações digitais na economia, no varejo e no mercado financeiro. O Score Digital analisa uma série de variáveis, como intensidade de uso, variedade de comércios online, amplitude de valores gastos, evolução versus tempo, entre outras. São estudadas pela Visa todas as operações realizadas nas lojas virtuais e nos aplicativos, divididas nas seguintes dimensões: Media Streaming, Social Media, Central de Apps, E-commerces Tradicionais e Inovadores, Apps de Transporte e Turismo.

Fonte: Visa